Treinamento em
Segurança do Trabalho
Blog


Categorias
Nossos Cursos
Estados

O que é CAT - Comunicação de Acidente de Trabalho?

20 / Jun - - Categoria: Atualizações das Normas (NR)


O que e CAT - InstitutoSC

A CAT é uma sigla a qual significa Comunicação de Acidente de Trabalho, este documento é utilizado para informar ao INSS todo e qualquer acidente ocorrido no ambiente de trabalho, assim como doença decorrente dessas atividades. A emissão pode ser feita online, desta forma o INSS já terá registro da ocorrência.

Ela é classificada em três tipos:

Inicial

Esta opção é utilizada quando ocorre acidente de trabalho, doença ocupacional, acidente com morte imediata e acidente de trajeto (quando o funcionário estiver indo ou voltando para o trabalho).

Reabertura

Quando um funcionário apresentou anteriormente lesão ou doenças decorrentes do trabalho e após um certo período esses sintomas retornam com mesma intensidade ou de forma mais grave. É importante lembrar que essa opção poderá ser usada somente se o afastamento foi superior a 15 dias.

Óbito

Essa CAT deve ser preenchida somente quando ocorrer acidente gerando morte no ambiente de trabalho, ou decorrente de atividades ligadas ao trabalho do funcionário.

A CAT serve para informar ao INSS todos os acidentes que ocorrem na empresa, sendo assim é possível medir o número de acidentes durante um certo período. É possível ainda determinar quais áreas são mais propícias a acidentes, como por exemplo a Construção Civil, atividade que causa milhares de acidentes todos os anos, como quedas, lesões e mortes. Esses dados só são possíveis devido ao registro da CAT.

É preciso realizar o download e instalar o aplicativo no desktop de um responsável da área de RH, após esse procedimento o registro já pode ser feito, lembrando que ele não pode ser usado para teste, somente acidentes que realmente aconteceram.

Sempre que acontecer um acidente, a comunicação deverá ser registrada, primeiro para que a Previdência tenha conhecimento, segundo para que ambos, funcionário e empresa tenham o respaldo da lei, tanto no que diz respeito a afastamento quanto ao pagamento de indenização conforme a gravidade do acidente. É importante lembrar que a CAT deve ser feita para qualquer tipo de acidente, com ou sem afastamento.

Caso a comunicação não seja registrada pela área de RH, o próprio funcionário ou seus familiares poderão fazer o registro, desde que todas as informações constantes estejam corretas.

Para ter conhecimento adequado sobre como preencher, quais dados informar, e demais informações, o ISC oferece o curso CAT, o qual certifica seus alunos de maneira que eles tenham tal habilidade técnica. Para mais detalhes entre em contato conosco.

Áreas classificadas e atmosferas explosivas

Atmosferas explosivas Não há uma norma específica que fale a respeito das áreas classificadas, porém dentro das NR’s 10 e 33 são citadas algumas informações referentes a essas áreas. As áreas...

5 dicas para Integração de funcionários mais eficiente

Integracao de colaborador eficiente Um dos fatores que mais influenciam no processo produtivo de uma empresa é o alto índice de rotatividade. Todos os dias muitos empregados são contratados ou desligados o que exige grande esforço da equipe de Recursos...

Saiba 5 benefícios de elaborar APR em sua empresa

Analise de riscos A APR - Análise Preliminar de Risco tem como base avaliar as condições de segurança de um determinado local e determinar se é possível ou não iniciar as atividades. O responsável por essa...

NR 6 - Equipamentos de Proteção Individual (EPI)

Epis Conforme determina a NR 6 o uso de EPI - Equipamentos de Proteção Individual é obrigatório em todas as empresas que possuam atividades que envolvam risco de acidente aos trabalhadores. "EPI é todo...

Atribuições da CIPA NR 5

A CIPA tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da...

Segurança na operação de pontes rolantes

Seguranca com pontes rolantes “Os equipamentos utilizados na movimentação de materiais, tais como ascensores, elevadores de carga, guindastes, monta-carga, pontes-rolantes, talhas, empilhadeiras, guinchos, esteiras rolantes, transportadores de diferentes...

Saiba mais sobre a CIPA

Saiba mais sobre a CIPA A NR 5 é a Norma Regulamentadora que rege a CIPA, ou seja, ela nos instrui sobre todos os tópicos importantes referente a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes. Essa Comissão ao ser criada na empresa...

5 dicas de segurança para panificadoras e confeitarias

5 dicas para seguranca em padarias A NR 12 Segurança no trabalho em máquinas e equipamentos estabelece os requisitos mínimos para um ambiente sem riscos e menor número de acidentes. O anexo VI em especial nos orienta com relação a...

6 cuidados necessários para operar pontes rolantes

Cuidados com pontes rolantes A NR 11 Segurança na Operação de Pontes Rolantes objetiva um ambiente mais seguro em empresas como indústria metalúrgica, metal-mecânica, cimento, centro de distribuição de aço, entre...

NR13 cuidados ao trabalhar com caldeiras e vasos de pressão

NR 13 vasos de pressao As caldeiras a vapor são equipamentos destinados a produzir e acumular vapor sob pressão superior à pressão atmosférica, utilizando qualquer fonte de energia, com exceção dos refervedores e...

NR 10 Acidentes com choque elétrico que podem ser evitados

EPI: Porque usar luvas de proteção?

Como a NR 10 pode reduzir acidentes de trabalho?

Importância de capacitação para trabalho em altura

O que é CAT - Comunicação de Acidente de Trabalho?

NR 10 Segurança com eletricidade: pense 10! Pense 20!

Nossos Cursos